10 julho 2007

Paraty...

A água do mar lava algumas ruas de Paraty ! Idéia de um dos urbanistas portugueses (sério) que ajudou na elaboração do projeto da cidade. A água tem permissão de entrar e levar embora toda a sujeira. As casas de Paraty têm mais portas que janelas...antes eram lojas, armazéns, ferrarias...hoje dá uma gostosa sensação de hospitalidade. Amyr Klink sempre começa ou termina suas viagens em Paraty. Dona Geralda, filha de um portugues beneficiado com o sistema de sesmarias, financiou a construção da igreja da Matriz (a terceira construída, depois de duas anteriores que ficaram pequenas para a população local e foram destruídas). Em troca, teria feito duas exigências: que fosse feita uma homenagem a Nossa Senhora dos Remédios e que os índios - Guaianás - que ajudariam (não voluntariamente) na construção da igreja fossem tratados com carinho. A Santa está lá, já os índios...não encontramos nenhum que pudesse confirmar se a segunda exigência foi atendida. Deixaram que os escravos construíssem também uma igreja para uso próprio (além das que construíam para os brancos) A Igreja Nossa Senhora das Dores. Acabaram caprichando mais na sua própria e hoje é considerada a mais bonita...no teto tem um abacaxi disfarçado...era símbolo da família real: "a fruta coroada" eles não podiam usá-lo também. Algumas fachadas são ornamentadas de pedras amarelas trazidas de Portugal como lastro. Os návios eram construídos para navegarem cheios...na vinda, para manter a estabilidade, enchiam seus porões de pedras...chegando aqui tinham que enfiá-las em algum lugar. O triângulo da Maçonaria está presente nas cantoneiras de pedras nas encruzilhadas.
Em Paraty sorri mais do que chorei, mas chorei. Tomei vinho bom. Usei meu xale preto e minhas botas toc toc toc. Deixei que a água entrasse e lavasse a sujeira. Entendi que para o que não há remédio...remdiado está.

4 comentários:

Anônimo disse...

tenho uma amiga apaixonada por Paraty.
mas assim... num é praia, né? como se usa botas "toc-toc"?
Bjim
Bridget

Cláudia disse...

Nao conheço Paraty, mas vc fez uma descrição linda da cidade. Bem romantica, parece combinar com as imagens que vejo dela.

C de Cinéfila disse...

Oiiii,

Que saudades!! Bom, estou quase voltanto à ativa. Passei pra matar a saudade e me atualizar das novidades.
Beijoca

Morg disse...

é bom acreditar

faith


beijo