23 agosto 2007

A casinha azul

Hoje o caminho estava cinza. Parecia chuviscar. Chuvisco triste, manso e interminável. Caminho que já vai se tornando antigo. Casinha azul que aos poucos perde a cor, daqui há pouco já será um história, uma foto envelhecida. As salinhas vão ficando vazias. No chão as marcas das móveis que por tanto tempo ocuparam o mesmo local. Poeira antiga sob arquivos. As paredes peladas denunciam marcas de quadros e fotos que já estiveram ali. Lembranças impregnadas em madeira e esquadrias. A velha escada de madeira nobre observa tudo quietinha do seu canto.

2 comentários:

morg disse...

E A CASINHA ALI CONTINUA

beijos

♥M@cellY♥ disse...

Adorei o blog...vou continuar me fazendo presente por aqui.
Um Beijo!