05 fevereiro 2010


"O que eu queria dizer com isto tive que deixar para ver depois - outro sinal de se estar em caminho certo é o de não ficar aflita por não entender;
 a atitude deve ser: não se perde por esperar, não se perde por não entender.

Então comecei uma listinha de sentimentos dos quais não sei o nome.

Se recebo um presente dado com carinho por pessoa de quem não gosto - como se chama o que sinto?

A saudade que se tem de pessoa de quem a gente não gosta mais,
 essa mágoa e esse rancor - como se chama?

Estar ocupada - e de repente parar por ter sido tomada por uma súbita
desocupação desanuviadora e beata,
 como se uma luz de milagre tivesse entrado na sala:
como se chama o que se sentiu?"

Clarice...

6 comentários:

Marcelo Mayer disse...

;

Tiburciana disse...

Amo a Clarice podem falaro o que for dela para mim é perfeita

Ferdi disse...

Gente, esssa mulher é muito um puta máximo mesmo, né?
Caramba!

Old Bird disse...

Clarice sempre é bom, tenho alguns titulos aki, muito bom de se ler....

"Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite."
Clarice Lispector

Daniel disse...

Mariah, gostei. Há sensações estranhas pelas quais passamos, e em algumas delas temos de ter certo jogo de cintura como no caso de receber um presente de alguém que não gostamos.
Beijo

Luna Sanchez disse...

Minha total falta de vergonha na cara, me leva a tentar responder as perguntas da diva (amo Clarice!) :

* Constrangimento

* Despeito

* Alívio

Beijo.

ℓυηα