22 fevereiro 2010

"A compensação de a gente envelhercer, pensava Peter Walsh, retirando-se de Regent's Park, com o chapéu na mão, era simplesmente esta: que as paixões permanecem tão fortes como antes, mas adquire-se - afinal! - o poder que dá o supremo sabor à existência: o poder de nos poderarmos da experiência e volteá-la, lentamente, em plena luz." (Virginia Woolf - Mrs. Dalloway)

7 comentários:

Juan Moravagine Carneiro disse...

Os fragmentos que seleciona sempre me deixam intrigados...Demoro certo tempo para conseguir absorve-los. Todavia quase sempre me possibilitam perceber a vida através de outros olhares!

Abraço minha amiga!

Tiburciana disse...

Eu adoro os trechosque vc coloca normalmente conheço e adoro
esse confesso que não conhecia mas adorei
bjos querida

Lelli Ramz disse...

a mudança é o ciclo.. a vida!

e o tempo traz isso

bjinhus


Lelli
seguindo-t

Ferdi disse...

AAAAAAAAAAAAAAH, Virgínia Wolf :3

Celso Andrade disse...

Parabéns pelo blog e pelas pelas palavras.

Abraço!

cantinho she disse...

Sensacional!
Bjks!

Menina Misteriosa disse...

Aprendizado, sabedoria... vem com o tempo... algumas paixões são atemporais!
Beijos

http://meninamisteriosa.wordpress.com/
http://www.aceuabertodaboca.blogspot.com/